Home
Senac forma primeiras turmas de Técnicos em Segurança no Trabalho

Senac forma primeiras turmas de Técnicos em Segurança no Trabalho

Imprimir
O Senac realizou na última sexta-feira, 16, formatura de alunos de duas turmas do curso Técnico em Segurança no Trabalho. A solenidade ocorreu no auditório da instituição com presença da diretoria, alunos e familiares. Os 23 alunos formandos fizeram parte do programa Senac de Gratuidade (PSG), além de pagantes com carga horária de 1.632 horas/aula, com duração de aproximadamente 2 anos, divididas entre teoria e prática.

Nas etapas do curso, os alunos passam por estágios em atividades relacionadas à profissão e afins, como forma de submetê-los à realidade do mercado de trabalho, alinhando-se as tendências mercadológicas. “Acreditamos que a base do curso é poder formar multiplicadores que possam através do conhecimento adquirido na instituição tenham capacidade de tornar o local de trabalho mais seguro sem interferir na produção dentro do previsto nas normas estabelecidas por lei”, destaca instrutor do curso Eng.º. Arthur Novaes.
“Fazer parte desse momento é muito importante para mim e para a instituição, trata-se de resultados positivos que estamos obtendo, o curso foi implantado a mais de anos e hoje as primeiras turmas desse curso. Estamos colocando a disposição do mercado de trabalho profissional capacitada e que vão contribuir com as empresas e cuidar da segurança de cada trabalhador”, destaca a supervisora do eixo tecnológico de saúde e ambiente, Aline Camila Neves.

Para a diretora regional do Senac, Hildete Meireles, a formatura é como forma de um marco já que se trata das primeiras turmas formadas pela instituição, “Trata-se de mais uma conquista realizada por todos nós iniciado em 2013 com as turmas de técnico em segurança no trabalho. As empresas tem gastos expressivos quando ocorre acidentes, seja na parte burocrática como também no desfalque de seu funcionário e nós, do Senac, identificamos essa necessidade do mercado em contar com profissionais capacitados e abrimos o curso que trás todo o arcabouço jurídico que embasa as ações de prevenção como também o uso dos EPI’S- Equipamentos de Proteção Individual exigidos em lei. Acreditamos que estamos contribuíndo com a qualificação de milhares de pessoa que buscam, através da educação profissional, o diferencial para o ingresso no mercado de trabalho”, pontuou a diretora.

Fonte: Assessoria de Planejamento e Marketing
Texto e Foto: Sandro de Brito